09 março 2010

Foi a gota d'água!

Para quem percebeu, os últimos posts do blog foram praticamente de assuntos relacionados ao Figueirense em campo, (quase) nada de bastidores. Estou aguardando uma posição definitiva sobre o novo modelo de gestão do clube para poder opiniar. Fica difícil fazer um parecer neste momento, pois a cada dia surgem inúmeras notícias, uma diferente da outra, e ninguém (torcida e imprensa) sabe ao certo o que realmente vai acontecer com o futuro do alvinegro. Aliás, uma fato temos conhecimento, sim. E foi descoberto ao "acaso".
E este fato, concreto, foi exposto ao público graças ao torcedor Sandro, que por desconhecidos motivos resolveu checar o BID da CBF,e descobrimos que algumas jovens estrelas foram vendidas por um valor irrizório. Um "crime" foi cometido ontem no Orlando Scarpelli.
Lucas, Roberto Firmino, Talhetti e mais 3 promessas tiveram seus contratos rescindidos com o Figueirense e agora serão atletas da Tombense - MG, clube de Eduardo Uram, dono da Brazil Soccer, parceira do clube.
O Figueirense irá receber míseros 4 milhoes de reais pela transferência dos atletas e terá os mesmos por empréstimo pelo menos até o final da temporada 2010.Trocando em miúdos, foi feito um "negócio da China": venderam os garotos à preço de banana, que retornarão ao clube por empréstimo, o clube pagará seus salários e ainda corre o risco de perdê-los para outro clube a qualquer momento, sem receber praticamente nada por isso.
Não acredito mais, sinceramente, em nada do que a Figueirense Participações ou de qualquer pessoa ou grupo aliado a atual gestora promete. Prometeram um estádio novo que não saiu, prometeram a manutenção de atletas do elenco que não ficaram (ex.: Roger Bernardo), prometeram um novo modelo de gestão revolucionario que na verdade só visava lucros para os sócios da empresa. Não me surpreenderá se amanhã Lucas ou Firmíno forem anunciados  por um grande clube do país ou de fora.
É com muita tristeza que escrevo este post. Assim como a maioria, me sinto traído por confiar nessas pessoas durante todos esses anos, defender até o fim um grupo de gestão tão vitorioso como foi este, que ergueu um clube com enromes dificuldades financeiras e o fez atingir metas antes nunca sonhadas nem pelo mais otimista. E por defendê-los, sempre fui muito criticado mas sempre mantive minha posição até o último golpe baixo. Com os últimos  fatos, iniciados em  meados do anos passado, não dá mais para apoiar quem quer ver o Figueirense Futebol Clube em segundo plano.  O resto de confiança e consideração que tinha por eles desapareceu. Pra mim, foi a gota d'água. Enfim, é um misto de frustração com indignação.
Lamentável ver quem foi responsável pelo um período tão vitorioso do clube sair pela porta dos fundos perante a torcida. Parece que procuraram isto. Fizeram por merecer.

Chega! É preciso dar um basta! FORA SUGADORES!

Um comentário:

JBmartins disse...

A FPSA, tem que ser tirada o mais rapido póssivel do scarpelli.